Páginas

quinta-feira, 26 de julho de 2018

Ações do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, Tribunal Superior do Trabalho e Tribual Regional do Trabalho ajudam a reduzir acidentes de trabalho


A próxima sexta-feira (27) é lembrada como o Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho. A data se tornou oficial em 1972, depois de regulamentada a formação técnica em Segurança e Medicina do Trabalho

Nos últimos anos, o Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e o Tribunal Superior do Trabalho (TST) vêm adotando diversas medidas para reduzir o número de acidentes de trabalho no país, bem como para melhorar a qualidade de vida de seus magistrados e servidores. Essas iniciativas ganham ainda mais relevância com a proximidade de 27 de julho, que, desde 1972, é conhecido como o Dia Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho.

De acordo com o ministro Brito Pereira, presidente do CSJT e do TST, a data é uma boa oportunidade para lembrar que o Brasil foi o primeiro país a instituir um serviço obrigatório de segurança e medicina voltado a empresas com mais de cem empregados. “É uma chance de alertar a população que não apenas órgãos públicos devem implementar ações para a prevenção desse tipo de acidente, mas também empresas privadas, indústrias, comércios, instituições educacionais, entre outras”, afirmou.

A ministra Delaíde Miranda Arantes, coordenadora do programa Trabalho Seguro, lembrou que todos os envolvidos devem atentar para a importância da prevenção. “A data é importante para conscientizar que todas as pessoas devem ser cautelosas e evitar problemas maiores”.

Iniciativas

Além disso, são oferecidos a ginástica laboral, a fim de estabelecer pausa saudável no expediente e disseminar dicas de boa postura no ambiente de trabalho; o monitoramento da evolução e do progresso do indivíduo; o programa “Acertando o Passo”, que visa monitorar a rotina de atividade física dos servidores por meio da caminhada; as modalidades Lian-Gong, Yoga e Mat Pilates; a orientação para atividade física; e convênios com instituições desportivas, devidamente reconhecidas pelo Conselho Regional de Educação Física (CREF-DF), a fim de facilitar o alcance de maiores benefícios por servidores e magistrados do TST.Diversas ações foram adotadas no âmbito do CSJT e do TST para aumentar a segurança e a qualidade de vida de servidores, magistrados, prestadores de serviços e estagiários. Programas como o “TST em Movimento”, da Secretaria de Saúde, criado em 2004, visam incentivar uma vida mais ativa de todos no dia a dia do Tribunal e do Conselho. São vários os propósitos das atividades, entre eles o de desenvolver ações de prevenção na saúde, coordenar eventos internos e externos, supervisionar e orientar programas de atividade física para magistrados e servidores e dar suporte a ações preventivas de saúde ocupacional.

Programa Trabalho Seguro

Desde 2011, a Justiça do Trabalho vem trabalhando em prol da prevenção de acidentes de trabalho por meio do Programa Trabalho Seguro (Programa Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho). A iniciativa executa projetos e ações nacionais voltados à prevenção de acidentes de trabalho e ao fortalecimento da Política Nacional de Segurança e Saúde no Trabalho.

O principal objetivo do programa é contribuir para a diminuição do número de acidentes de trabalho registrados no Brasil nos últimos anos, por meio da articulação entre instituições públicas federais, estaduais e municipais e a sociedade civil.

(Fonte: Diário Indústria e Comércio)